Lisbela e o Cozinheiro: a volta do Tempero Nordestino

Lisbela e o Cozinheiro 01Tenho um caso de amor antigo com esse lugar. O conheci há alguns anos – não vamos falar em datas para não entregar idades -, juntamente com meus pais. Fazia pouco tempo que havíamos conhecido o Nordeste e poder trazer à memória essa lembrança gustativa tão singular foi uma ótima pedida. Ali, no antigo restaurante localizado no Córrego Grande, era possível viajar centenas de quilômetros com apenas dois ou três passos. Com a bênção de padinciço e as ótimas histórias de Ramirez Arruda, proprietário do local, esquece-se o mundo lá fora e até um leve sotaque é capaz de se adquirir em uma simples refeição.

Lisbela e o Cozinheiro 02Simples é modo de dizer, pois os ingredientes são todos caprichados, tentando a família manter ao máximo as mesmas características de sua região de origem. Manteiga de garrada, queijo coalho, feijão de corda e, a maravilhosa, carne de sol (carne de sol completa, por 57 dilmas para 2 pessoas) coroam os principais pratos, muito embora uma parte do cardápio seja voltado para a região Norte e seu tucupi. Meus conterrâneos que me perdoem, mas ouso dizer que a carne de sol é deverasmente mais saborosa que o charque, similares no modo de produção. E se aqui é difícil encontrá-la, então o Sr. Ramirez confecciona a própria, garantindo a qualidade de cada prato servido.

Lisbela e o Cozinheiro 04Foi lá também que conheci a Thalita, a simpaticíssima filha dos proprietários. Ainda criança, já ajudava no restaurante como se estivesse recebendo visitas em sua casa. De fala solta, nunca teve receio em puxar papo com os clientes e, assim como o pai, contar histórias suas e da família. Foi com grande prazer que a reencontrei agora, já no pleno gozo de seus direitos civis, ainda auxiliando no restaurante (mas agora esporadicamente), e descobri que lembrava desta cliente aqui e o palavreado continua fluindo como antigamente.

Lisbela e o Cozinheiro 06O restaurante permaneceu um tempo fechado, voltando porém com as mesmas características, embora em outro endereço. Manteve, inclusive, a eterna bênção do padimciço – que não pode faltar jamais em qualquer restaurante nordestino que se preze – e alterando o nome para Lisbela e o Cozinheiro. A qualidade continua a mesma, a chita continua a forrar as paredes, o atendimento ainda é familiar, a decoração sempre atrelada a objetos antigos e quadros com fotos e reportagens, o papo solto com o Sr. Ramirez garantido e, infelizmente, continua não aceitando cartão, apenas dinheiro. Nada que uma passada antes pelo Banco não solucione, até porque esse pequeno detalhe não é capaz de afastar todas as demais qualidades do local. Aliás, nem é necessário sacar grande quantia, pois os pratos possuem preços super atrativos e o tamanho das porções é tão generoso como o povo nordestino: sempre há espaço para mais um. O porção para duas pessoas pode facilmente alimentar três ou quatro, a depender da ogrice do buchinho.

Lisbela e o Cozinheiro 05Se você já conhecia o Tempero Nordestino, sabe da qualidade do local que foi inúmeras vezes indicado pela Veja Comer e Beber. Reafirmo que a qualidade se manteve a mesma. Se não o conhecia, necessário corrigir essa falha o mais breve possível, com direito ao plus de viajar pelo Nordeste pagando muito pouco. Nas sextas-feiras à noite ainda rola um festival de tapiocas, com os sabores mais variados possíveis.

.

Lisbela e o Cozinheiro

Rodovia Baldicero Filomeno , 2008, Riberão da Ilha, Florianópolis/SC
Aberto de quarta à sábado, das 19h às 23h. Sábados e domingos aberto para almoço
Telefone: (48) 3234-2100
Possui estacionamento e só aceita dinheiro
Anúncios

2 thoughts on “Lisbela e o Cozinheiro: a volta do Tempero Nordestino

  1. são essas gentilezas delicadezas e a sensibilidade de gente como você que nos faz seguir enfrente,obrigado pela reportagem e resumo de tudo que gostamos e fazemos com carinho. Ramirez e família agradece. abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s