Anti Restaurante? Homemade? Você pode não saber o que significa, mas Floripa já tem um.

Você sabe o que é um Anti Restaurante? Conhece o conceito Homemade? Eu não conhecia e tive o prazer de compreendê-los empiricamente, a partir do projeto do Gastrônomo Guilherme, o Gastrobirra.

ImagemA idéia do Anti Restaurante ou Homemade, muito embora possa parecer (e seja) nova, traz de volta a idéia da exclusividade da “comida caseira”, dos pratos feitos para poucos e especiais convidados – como quando recebemos amigos para uma confraternização -, indo de encontro ao conceito de fast food e “comida plastificada”, com o mesmo sabor medríocre, apesar de produzida em lugares diversos.

O intuito é, de certa forma, aproximar-se dos movimentos slow food comfort foodé garantir comida de qualidade e preço acessível em um ambiente caseiro, sem pressa, com o Chef – que também é beer somelier – no mais das vezes servindo seus convidados e presente para quaisquer questionamentos, inclusive propostas de harmonização.Imagem

Encontrar alimentação com tais características não é tarefa difícil, claro. Mas a reunião delas em um mesmo lugar é o diferencial aqui procurado, principalmente no quesito bebidas. Seguindo a tendência de alguns restaurantes e cafés de São Paulo, a água mineral do Gastrobirra Homemade é fornecida gratuitamente aos convidados, enquanto as cervejas – apenas “especiais” – variam de 8,5 a 20 pilas, como a paranaense Way Beer e a mineira Wäls.

O intuito é haver sempre uma variedade de rótulos, com mudanças de tempos em tempos, além da possibilidade de, eventualmente, provar a cerveja tipicamente caseira, preparada pelo próprio Guilherme – apenas algumas poucas garrafas, de estilo de acordo com sua inspiração no momento da confecção.

A mesa, construída pelo próprio Guilherme, intensifica o clima caseiro do ambiente, tornando a refeição uma divisão de experiências com os demais convidados, descontraída e uma possibilidade de conhecer novas pessoas.

O último “encontro” tratou-se uma feijoada, com direito a caldinho de feijão de entrada, arroz, banana à milanesa, couve com bacon, farofa, torresmo, batata doce chips e laranja. Para pessoas como eu, que adoram feijoada mas não alguns de seus ingredientes, esta estava perfeita, pois contava apenas com as melhores partes do porco, como costelinha defumada e linguiça.

ImagemAfim de facilitar aos covidados, os pratos foram servidos em uma bancada, além de uma mesa de apoio, no sistema de buffet. O preço por todas essas delícias? 28 pilas, com direito a comer o quanto aguentasse.

Essa “edição” tinha como novidade a cerveja Baden Baden Celebration, uma edição limitada da cervejaria, estilo Double Block (lager), de 8,2% de teor alcoólico e que harmonizou perfeitamente com a feijoada.Imagem

Talvez não tão perfeitamente, tenho que confessar, mas não por culpa das iguarias, mas sim do calor excessivo que teima em reinar em Floripa em pleno inverno. Sendo esse um prato melhor degustado no inverno e a cerveja em estilo próprio para o frio, para aquecer suas emoções nesta estação, uns 5 graus celsius a menos teriam tornado o momento perfeito.

Não bastasse toda essa comilança, ainda eram oferecidos dois tipos de sobremesas: pudim e ambrosia. Incluídas nos 28 pilas cobrados, eram servidas à vontade pelos convidados.

Por enquanto o local só trabalha com dinheiro e recebe apenas convidados com reserva previamente confirmada. Além disso, respeitando o espaço físico e o bem estar dos presentes, os eventos são limitados para até 20 (vinte) pessoas – salvo quando o cardápio é no estilo finger foodOferece wi-fi e, apesar de não haver estacionamento, é possível parar nas proximidades com tranquilidade.

Se você ficou interessad@, entre em contato com o Guilherme pelo site, twitter, facebook ou e-mail (guischwinn@gastrobirra.com), descubra quais são os próximos eventos/cardápios, maiores informações sobre o local e garanta sua vaga.

Aqui você pode ver a opinião do Daniel, blogueiro do Comideria, sobre o Gastrobirra Homemade.

Mais algumas fotos do local e dos produtos oferecidos:

<img class=”aligncenter size-full wp-image-653″ title=”IMGGastrobirra Homemade” src=”https://naovaseperder.files.wordpress.com/2012/07/img_5257.jpg” alt=”” width=

Anúncios

15 thoughts on “Anti Restaurante? Homemade? Você pode não saber o que significa, mas Floripa já tem um.

  1. Pingback: O ANTI RESTAURANTE « sandraarioligastronomia

  2. Pingback: Gastrobirra » GASTROBIRRA HOMEMADE – Restaurante secreto em Florianópolis

  3. Pingback: Food+Music (Itapema FM RS): especial Florianópolis « Não vá se perder por aí

  4. Pingback: #Gastromalucos – Rosso Restro | Não vá se perder por aí

  5. Pingback: #Gastromalucos Risotteria Suprema: a junção da boa gastronomia com ótimo preço | Não vá se perder por aí

  6. Pingback: #gastromalucos Ponto G: êxtase também na gastronomia | Não vá se perder por aí

  7. Pingback: Um lar e um Restaurante. Pode? | Minha Casa Container

  8. Pingback: Jantar do Dia dos Namorados: vá de Gastrobirra Homemade | Não vá se perder por aí

  9. Pingback: #Gastromalucos Bettina Bub – Cozinha Artesanal | Não vá se perder por aí

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s